segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

O que perguntar na hora de comprar um imóvel?




Da escolha à aquisição, é importante o comprador ter em mente algumas questões que auxiliam na realização de um bom negócio

Seja para morar, para investir ou para lucrar com a valorização, na hora de comprar um imóvel é imprescindível estar atento a algumas questões. É no momento das visitas que o comprador interessado deve, além de observar com atenção o ambiente como um todo, questionar ao corretor alguns detalhes importantes, os quais, se ignorados, podem trazer arrependimentos mais tarde. 
Um dos itens determinantes para a escolha de imóveis em Curitiba (PR), onde o tempo costuma ser bastante úmido e fechado, é a sua face. “Como existem pessoas que gostam de sol à tarde e outras que preferem o da manhã, é interessante sempre perguntar ao corretor se a casa ou apartamento recebe luz solar e em qual horário”, afirma o sócio da Imóveis de Primeira, Waldir Chinasso.  
Ele aconselha também que o comprador pergunte, no caso de um imóvel novo, sobre a construtora, sua idoneidade e a qualidade dos imóveis já finalizados e a respeito de itens entregues pela construtora junto a ele, como uma cozinha planejada ou um piso laminado, por exemplo. “Existem construtoras que estão entregando o imóvel com muitos benefícios atualmente. Isso sempre é um ponto positivo na hora da compra”, garante Chinasso. Já em casos de imóveis usados, deve-se questionar ao corretor quais mobiliários e demais objetos permanecerão no espaço após a venda. 
Paulo Orlandini, também sócio da Imóveis de Primeira, lembra ainda de outras questões importantes. O valor do condomínio, por exemplo. “Observe os custos fixos e variáveis no boleto do condomínio, como benfeitorias, chamadas de capital para obras de revitalização, no caso de prédios mais antigos. A garagem também é importante, pois alguns apartamentos possuem vagas rotativas, com tamanhos diminutos e sem possibilidade de se adquirir uma vaga extra. Para uma família com filhos, é interessante também observar a estrutura de lazer e segurança no condomínio”, acrescenta. 
No caso de um imóvel usado, é necessário ainda questionar sobre o motivo da venda. Após a análise de todas essas questões, é fundamental verificar toda a documentação, além de tirar as certidões negativas de gravames porventura existentes. Com esses cuidados, a compra de um imóvel, usado ou novo, torna-se muito mais segura.

Sobre a Imóveis de Primeira
Comandada pelos corretores Paulo Orlandini e Waldir Chinasso, a Imóveis de Primeira vem conquistando cada vez mais espaço no mercado imobiliário de Curitiba (PR). Com um atendimento personalizado a cada cliente, a imobiliária conta hoje com mais de 50 corretores associados e oito gerentes em seu quadro de colaboradores, número que vem crescendo a cada mês. 



Serviço:
Imóveis de Primeira
Telefones: (41) 3148-2048 / (41) 99947-2887

Crédito de texto e foto:
Virgínia Vargas - Assessora de Imprensa (41) 3325-3443 / 9611-2170 virginiavargas.assessoria@gmail.com