Pular para o conteúdo principal

Os padrões nos mobiliários


Com cada vez mais opções no mercado, eles ajudam a compor os ambientes com estilo, beleza e sofisticação

Quando você entra em uma loja e decide escolher os móveis planejados ou sob medida para a sua casa ou empresa, além dos materiais estruturais, como MDF e MDP, é preciso optar por um ou mais padrões. São eles que revestem o móvel por meio de cores e texturas diferenciadas, imitando madeira, de demolição, fórmica, laca, vidro e até mesmo com lâminas naturais. A escolha certa pode resultar em ambientes muito mais charmosos e sofisticados.

Os padrões Preto TX e Marrocos, que imita madeira de demolição, ficam lindos juntos e dão mais charme à decoração

Segundo a designer de móveis parceira da Evoque Ambientes, Giselle Ramos, na hora de escolher, deve-se levar em conta diversos fatores. “Para quem deseja inovar, por exemplo, os mais indicados são os padrões lançamento, pois estão de acordo com as pesquisas de mercado das empresas fabricantes, acompanhando as tendências mundiais. Baseados na moda, no estilo de vida, no design e na arquitetura, aqueles que trazem pequenas tramas, em cores lisas, como cappuccino, grafite, cinza, fendi, preto e areia, são os mais utilizados pelos clientes. O branco, por sua vez, nunca sai de moda e é escolha certa quando não se quer ousar muito", comenta.
A profissional explica que a composição deve ser feita com cores lisas e madeirados ou cores lisas e linhos, procurando não mesclar dois madeirados ou dois linhos, ou ainda linhos e madeirados. "Essa combinação deve ser feita com muita cautela, não pincelando uma porta ou gaveta, mas sim criando blocos de cores, como por exemplo, inferiores e superiores. Jamais se deve apostar no "cor sim, cor não".
Giselle sugere ainda que vidros e lacas, os quais criam brilhos e contrastes muito especiais, sejam utilizados em padrão único dentro do ambiente. "Eles podem compor com MDFs lisos ou com texturas, porém nunca se deve esquecer que ainda haverá cores de tampo e piso, por exemplo. Meu conselho é juntar todas as amostras, tirar fotos e avaliar o equilíbrio e harmonia. Se ainda houver dúvidas, o indicado é contratar um profissional, que possui mais experiência e está antenado com as novidades".

A mistura de padrões deve ser feita com cautela, mas pode resultar em ambientes muito mais charmosos

Luana Mota, designer de interiores da Evoque, salienta que, além de o cliente buscar aqueles estilos que mais combinam com seu perfil e decoração da residência ou escritório, também é interessante analisar outros aspectos. "A laca, por exemplo, deve ser evitada em algumas áreas, pois possui uma delicadeza enorme e pode riscar com facilidade. Já o vidro é algo que marca bastante. Então, se não há interesse em ficar o tempo todo limpando, é bom evitá-lo na cozinha, por exemplo", finaliza.

Sobre a Evoque Ambientes
A Evoque Ambientes Personalizados atua no ramo moveleiro e tem experiência de mais de 12 anos de chão de fábrica. Especializada em executar projetos residenciais e comerciais, a marca possui mão de obra especializada e comprometida com o atendimento. Preparada para atender clientes de pequeno, médio e grande porte, oferece soluções inteligentes, econômicas e com tecnologias de ponta.

Serviço:
Evoque Ambientes Personalizados
Telefone: (41) 3044-7300

Créditos: 
Virgínia Vargas
Assessora de Imprensa
(41) 3206-5192 / 99611-2170

Postagens mais visitadas deste blog

Feijão Maravilha!

Sábado é dia de feijoada. E quem não gosta de feijoada?

Pois é, esse prato típico é delicioso, agrada a todos e é uma ótima escolha para ser servida aos amigos. Basta um pouco de criatividade para tornar o seu evento muito mais charmoso. Os pequenos detalhes fazem toda a diferença!

Vou mostrar alguns exemplos, começando pela laranja, que eu fiquei apaixonada! kkkkk


Daqui: http://ateliegaaya.blogspot.com.br/


Daqui:  http://carolbycalu.com/2011/02/10/quarta-e-dia-de-feijoada/


Daqui: http://adinoela.blogspot.com.br/2012/05/e-tempo-de-feijoada.html


Daqui: http://www.chucrutecomsalsicha.com/archives/2008_02.html


Daqui: http://amandicaindica.blogspot.com.br/2012/03/voce-sabe-como-organizar-uma-feijoada.html




Daqui: http://www.copyepaste.com/2011/05/festa-do-bem.html


Daqui: http://lepartieventos.blogspot.com.br/2012/05/decoracao-rustica-feijoada-no.html


Daqui: http://segredosdaanna.blogspot.com.br/2012_08_01_archive.html


Daqui: http://www.custojusto.pt/Porto/Moveis-Decoracao/Bolas+decorativas…

Estante Casinha de Boneca - Quarto de Menina

Uma maneira divertida e decorativa para guardar brinquedos.

No projeto da Arquiteta Cecy Rivabem, a estante de madeira em forma de casinha se destaca pela funcionalidade e beleza.

Além de ser uma casinha bem fofa, tem espaço suficiente para guardar brinquedos. Nos nichos ficam os bichinhos de pelúcia mais bonitinhos, para decoração. Nas gavetas, que foram projetadas para que a criança não prenda os dedos ao fecha-las, ficam os brinquedos com peças, bonecas e até mesmo os jogos, pois tem profundidade suficiente para isso.

Além de tudo isso, esse móvel possui uma mesa para desenho.

Qual criança que não ia amar??







Fotos: Acervo pessoal da Aquiteta Cecy Rivabem.

O essencial e o que deve ser evitado na decoração da cozinha

Algumas dicas são importantes para que o ambiente una beleza, praticidade e organização
Não é de hoje que a cozinha é conhecida como o coração da casa. Por ser um dos cômodos mais utilizados no dia a dia, merece atenção especial na hora de decorar, para que seja belo e ao mesmo tempo prático e funcional.
Foto: Natasha Bagatoli
Um dos itens indispensáveis neste ambiente, mesmo que o espaço seja diminuto, é um gaveteiro, ideal para acomodar talheres, panos de pratos e acessórios pequenos. “Prateleiras que guardam alimentos, pratos, copos e panelas também são essenciais. Quem pode investir um pouco mais, pode optar por colocar aramados nos móveis, pois eles ajudam muito na organização", conta a designer de interiores da Evoque Ambientes Personalizados, Luana Mota.
Foto: Natasha Bagatoli
Um dos desafios na hora de decorar a cozinha é a distribuição do mobiliário, a qual deve ser pensada em função dos pontos de hidráulica e elétrica e dos eletrodomésticos. “Quando as cozinhas são muito peq…